sábado, 25 de fevereiro de 2017

Muito para além da Táctica

Sermos Treinadores de jovens vai muito para além de ensinarmos a técnica e a táctica. Muito mais do que planear os treinos da semana e gerir o jogo ao fim-de-semana.

Vai muito para além disso.

Temos perante nós crianças, pré-adolescentes, adolescentes e futuro adultos, com quem devemos ter a missão de os influenciar da forma mais positiva possível. Só assim crescem como crianças felizes, adolescentes conscientes para um dia se tornarem os melhores adultos do futuro.

No entanto nada disto é tarefa fácil. Se ensinar o desporto se torna difícil pela falta de cultura desportiva do país, passar-lhe bons valores mais difícil é. As nossas crianças e adolescentes vivem no meio de uma sociedade que os pressiona para ser os melhores: o melhor da turma, o melhor do ano, o melhor da escola, o melhor da família, o melhor do país, o melhor do mundo... As nossas crianças e adolescentes vivem perseguidos pelo "eu tenho", "eu vou", "eu quero", "eu preciso".

Todos queremos que sejam os melhores. Eu quero que as minhas atletas sejam as melhores. E eu pressiono-as. Mas de forma completamente diferente do mundo que as rodeia: 

Que sejas o melhor que TU podes ser.

Que sonhes com o melhor e persegue-o, dedicando-te o melhor que conseguires.
Não queiras ser como ninguém, melhor que ninguém. Que queiras ser sempre o teu melhor EU.
Que te deixes influenciar por Ídolos, Ícons... mas nunca percas a TUA identidade. É isso que faz o mundo continuar a girar.

Mas nunca te esqueças: Sózinho nunca conseguirás ser o teu melhor EU. 

Rodeia-te das pessoas que gostas. Que festejam contigo as tuas conquistas na procura do teu melhor EU. 
E lembra-te de festejar as conquistas de quem te rodeia. Que da tua felicidade faça parte o facto de, quem te acompanha lutar por ser também o seu melhor EU.

O mundo gira muito melhor. 

A Equipa é mil vezes melhor se todos procurarmos ser o nosso melhor EU. E acima de tudo, a Equipa é o melhor que poderia ser, se todos festejarem genuinamente pelo esforço e pelas conquistas uns dos outros. 




Sem comentários:

Enviar um comentário