terça-feira, 16 de maio de 2017

Ainda sobre o Salvador

(ilustração: João Rodrigues)
" Eu ainda sou do tempo em que a família se reunia em frente à televisão todas as noites, religiosamente, a seguir ao jantar, para ver a novela. Do tempo em que se aguardava, quase a fazer
tracinhos na parede, pelos Jogos Sem Fronteiras, pela Miss Portugal, pelo Natal dos Hospitais. E, claro, pelo Festival da Canção. (...)

O Salvador fez-nos voltar à infância, em que ficávamos colados à televisão a acompanhar o festival, mesmo sem nunca termos ganho. Mas fez mais do que isso. Reforçou o orgulho na nossa música, na nossa língua, provou que é possível fazer boa figura com uma canção que é uma canção, sem "fogo-de-artifício", como ele diz."

[by A Pipoca Mais Doce]

Sem comentários:

Enviar um comentário